GG.Up

GG.Up #16: 2020 foi o melhor ano de Dungeons & Dragons

Entenda o sucesso de D&D, o RPG mais popular do mundo.

20/05/2021

Neste podcast: Sucesso de Dungeons & Dragons, o RPG mais popular do mundo, e animação de Injustice.

Participam neste episódio: Carlos Silva e Pablo Raphael.
Edição: Ricardo Banin.

O GG.Up é um podcast em que especialistas da indústria de jogos eletrônicos comentam as principais notícias do dia no setor.

2020 FOI O MELHOR ANO DE DUNGEONS & DRAGONS

Aos 47 anos, D&D está no sétimo ano de crescimento consecutivo (WotC)

A Wizards of the Coast divulgou hoje, 20 de maio, que 2020 foi o sétimo ano de crescimento consecutivo de Dungeons & Dragons, o mais antigo e mais popular RPG do mundo. O jogo que deu origem ao hobby já foi jogado por mais de 50 milhões de pessoas desde seu lançamento no final da década de 1970, e teve em 2020 seu melhor ano até hoje.

A pandemia é apontada como um dos motivos para o crescimento no interesse: março de 2020 foi um pico de procura por D&D e sessões de jogo em plataformas digitais como o Roll20. Vale notar, também foi o mês em que Wildmount, cenário oficial do programa Critical Role, maior canal de RPG de mesa da Twitch, chegou ao jogo.

A publisher divulgou também um gráfico com a demografia do público que joga D&D: o segmento entre 20 e 24 anos é o maior, mas outras faixas etárias também são bem representadas. Essa grande base de jogadores mais jovens explica porque atualmente o jogo recebe mais conteúdo no formato de reboots ou novos cenários do que continuações dos módulos que fizeram sucesso em décadas passadas.

Demografia dos jogadores de Dungeons & Dragons (WotC)

Também é interessante notar a divisão entre o público masculino e femino: 40% do público é de jogadoras e 60% de jogadores, uma mudança em comparação ao que normalmente se imagina sobre D&D e RPG de mesa em geral, que costumava ser visto como um entretenimento majoritariamente masculino.

Em 2021, Dungeons & Dragons está ampliando ainda mais seu alcance, com o lançamento de novos suplementos bastante aguardados, como o novo cenário de campanha de Ravenloft, e também uma coleção de cards de Magic: The Gathering, outro grande sucesso da Wizards of the Coast.

Nos videogames, a Wizards of the Coast aposta em Dark Alliance, jogo de ação cooperativo que sai em junho para PC e consoles - e que estará disponível no Game Pass no lançamento. Para levar a marca ainda mais além, um filme longa-metragem está em produção, com a participação do ator Hugh Grant, entre outros.

DC ANUNCIA FILME ANIMADO DE INJUSTICE

Injustice: Gods Among Us (WB Games/Divulgação)

A DC anunciou a produção de um filme de animação de Injustice, o popular game de luta produzido pela NetherRealm, estúdio de Mortal Kombat. O filme é listado entre os extras do próximo lançamento da marca, a animação Batman: O Longo Halloween Parte Dois, que terá "uma espiada no próximo filme animado da DC: Injustice".

O primeiro jogo da franquia foi lançado em 2013 e recebeu uma sequência em 2017, além de jogos mobile. O jogo mostra uma versão alternativa do universo dos super-heróis da DC, em que o Superman se tornou um tirano e os heróis e vilões se dividem entre o grupo que apoia o Homem de Aço e os que se rebelam contra ele, liderados pelo Batman.

Injustice já rendeu duas séries de quadrinhos que expandem os eventos dos jogos: a primeira, Injustiça: Deuses Entre Nós, se passa entre os dois games e uma série prequel foi lançada mais recentemente, revelando mais detalhes de personagens vistos nos games.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe
com seus
amigos