Gamificação nas Empresas: Como Engajar Seu Público Com Jogos

Imagem ilustrativa de bonecos em cima de jogos de tabuleiros representando a Gamificação nas Empresas
20/06/2023
POR
Thayná Soares
COMPARTILHE:
O que você vai ver neste artigo:

Muita gente joga por diversão. Será que dá para levar essa mesma diversão para o ambiente de trabalho? Quem conhece a Gamificação tem a resposta na ponta da língua, e sabe que a união desses dois só gera vantagens.

A presença desse método em projetos empresariais tem se tornando cada vez mais valiosa, principalmente com relação ao engajamento no dia a dia.

O simples ato de combinar tarefas e informações com dinâmicas interativas aproxima sua empresa do público alvo através da vivência ativa, seja ele cliente ou colaborador.

Em outras palavras, quanto mais visual o objetivo, mais o usuário se interessa em chegar até o final. Quanto mais interativo o processo, menos entediante é o percurso. Soa familiar?

Peças de xadrez em madeira em cima de um tabuleiro de xadrez

Se a teoria orienta, a prática ensina: experiências menos técnicas e mais lúdicas instigam pessoas dentro e fora do ambiente corporativo a tomarem iniciativas para alcançar resultados, tudo isso de livre e espontânea vontade.

Se tudo isso faz sentido dentro do cotidiano de uma empresa, saiba que a mesma coisa acontece no mundo dos jogos. É exatamente isso o que faz a gamificação cair como uma luva. 

O que é Gamificação?

Como o próprio nome já indica, Gamificação é o método de empregar técnicas de jogos em contextos do dia a dia. Um treinamento gamificado, por exemplo, envolveria dinâmicas com minicursos e até mini-jogos para testar o conhecimento de seus participantes.

Alguns projetos de gamificação nas empresas também envolvem a técnica do storytelling, que é representada pelo uso de palavras e ações para revelar, aos poucos, os elementos e imagens de uma história.

Por acompanhar os avanços do leitor, o storytelling é uma ferramenta que estimula a imaginação e oferece uma conexão maior além de simples informações jogadas em uma tela – um prato cheio para quem usa os jogos a seu favor.

Controle de Xbox na frente de um teclado de computador representando como funciona a Gamificação nas empresas

Por que a gamificação é importante para empresas?

Quando falamos sobre games, é normal imaginar algo mais voltado para o entretenimento.

Desde sua origem nos tabuleiros até a expansão para o mundo virtual, jogos têm conquistado um espaço na vida das pessoas que vai muito além das brincadeiras de infância.

Eles são envolventes, divertidos, muitas vezes até desafiadores e definitivamente atrativos para todo tipo de público graças a sua variedade do casual ao hardcore.

PGB 10 ANOS: 70,1% da população brasileira afirma jogar algum tipo de jogo.

Um indivíduo pode passar horas focado em um único jogo graças a um mecanismo chamado game design. Nele, temos um storytelling envolvente, onde a história acontece; uma lista de missões que precisam ser completadas para a evolução do jogador; e recompensas que podem ser desbloqueadas pelo caminho até o verdadeiro prêmio final.

Ao utilizarmos o game design em gamificação nas empresas, trabalhamos com essa mesma premissa. Transformamos projetos básicos em trilhas completas que interagem com o público do seu negócio, motivando-o a interagir em troca.

Jovens profissionais em uma mesa de reuniões sorrindo

Benefícios da gamificação para empresas

Se você quer construir um relacionamento de respeito com seu público consumidor ou equipes inteiras de colaboradores, chegou a hora de considerar os jogos como seus verdadeiros aliados.

Aperte os cintos! Hora de explorar as vantagens da gamificação!

Percepção positiva da marca

Importante como todo diferencial, a gamificação auxilia no fortalecimento da imagem de uma marca perante o mercado, incluindo concorrentes, funcionários e clientes. Isso porque ela é uma facilitadora nos processos de comunicação.

As dinâmicas utilizadas pela gamificação nas empresas permitem maior disseminação de valores, metas, objetivos e demais características que tornam uma equipe mais eficiente.

Enquanto a produtividade aumenta, ela também reflete na percepção exterior.

Aumento de engajamento do público

Tal qual um videogame, a gamificação usa um sistema de metas, conquistas e recompensas. A cada nível ultrapassado, além de novas dinâmicas, o usuário desbloqueia desde títulos a prêmios simbólicos.

Esse tipo de interação – seja ela com ou sem premiação – incentiva os funcionários a avançarem cada vez mais, melhorando, assim, a produtividade de toda a organização.

Quando as metas são atingidas, o usuário se sente satisfeito com seu próprio progresso. Seja ele um colaborador ou um cliente, o sucesso da gamificação nas empresas está no incentivo de cada potencial.

Retenção de novos clientes

Além de todos esses benefícios internos, a gamificação também ajuda na retenção e fidelização do público consumidor da sua empresa.

A estratégia certa mantém os usuários interessados na marca, garantindo uma experiência positiva na plataforma escolhida, seja ela um aplicativo, website, e-mail marketing, entre outras.

Em um aplicativo de marca, por exemplo, a gamificação pode facilitar na aceitação do grande público e tornar a utilização dele mais atrativa. Algumas dinâmicas (como jogos com recompensas em forma de cupons) também tornam a interação marca-cliente mais intuitiva, próxima e constante.

Coleta de dados

Se coletar dados parece trabalhoso usando métodos básicos como formulários, e-mail marketing e afins, a gamificação torna tudo mais prático e vantajoso para ambos os lados.

O usuário da plataforma tem total liberdade para preencher seu perfil com informações pertinentes. Essa sensação de controle deixa o processo bem menos invasivo e muito mais confortável, além de fornecer às empresas insights de alta qualidade.

Tudo isso respeitando a LGPD, é claro!

Diversas peças de jogos de tabuleiro em diversas cores, elementos que representa a gamificação nas empresas

Exemplos de empresas que implementaram a gamificação com sucesso

Agora que você já sabe quais são os principais benefícios e o que há por trás do conceito da gamificação, vamos ver sua atuação na prática.

Lembrando que todo projeto tem seus diferenciais e trabalhamos sempre com a personalização para o sucesso de cada estratégia!

Santander

O objetivo do Santander era migrar do formato tradicional de sorteio de bolsas de estudos para um modelo de gincana interativa.

A equipe Go Gamers utilizou a gamificação para incentivar os participantes a vencerem desafios de conhecimento, cultura, empreendedorismo e inglês. Os usuários com as melhores pontuações conquistaram bolsas de estudos no exterior.

O projeto foi a principal ação de abertura de contas no ano e abriu portas para outras gincanas do mesmo formato.

Ao todo, foram mais de 12 mil contas abertas e 50 mil participantes.

Telefônica Vivo

O objetivo do projeto era atrair e engajar mais colaboradores nas ações de voluntariado da Telefônica no Brasil.

Para isso, a Go Gamers criou o portal “Game do Bem”, que unifica todas as atividades de voluntariado enquanto promove e incentiva ações através da gamificação. O portal se preocupa com a jornada e a experiência dos diferentes públicos da empresa, dos novos voluntários aos mais experientes.

No ano de 2018, o projeto concorreu e venceu o “Prêmio Global de Voluntariado Corporativo” na categoria “Melhor Prática Inspiradora”, concorrendo com outras 100 iniciativas sociais em escala global.

Foram mais de 10 mil missões realizadas no último ano em 9 países participantes.

Esse é apenas um sneak peek dos trabalhos incríveis que a Go Gamers já fez para grandes marcas. Imagina só o que podemos fazer por você! 😉

Como implementar a gamificação na sua empresa

Assim como todo projeto, a gamificação só pode ser implementada após a construção de um roteiro. O que você quer alcançar? Quais são suas dores e necessidades? Quais plataformas você tem à sua disposição?

Existem diversas técnicas de Game Design, e cada uma atende estratégias específicas. É por isso que a Go Gamers entra com uma consultoria de ponta a ponta: para traçar as melhores trilhas de acordo com cada cliente.

Essas são as principais técnicas implementadas pela gamificação:

  • Jogo na prática: onde tarefas, tutoriais ou demais atribuições do cotidiano são transformadas em dinâmicas interativas.
  • Storytelling: histórias criadas para conectar essas dinâmicas em um único universo e despertar emoções no público alvo.
  • Avanço por níveis: onde usuários acompanham seus respectivos progressos com o avanço de níveis por cada tarefa completada.
  • Coleta de pontuações: distribuição de pontos a serem desbloqueados pelo usuário por cada nível, dinâmica ou tarefa ultrapassada.
  • Tabelas de classificação: onde usuários conseguem acompanhar sua evolução em comparação a outros dentro de um ranking.
  • Distintivos (badges): recompensas simbólicas que classificam os usuários com títulos específicos por cada nível desbloqueado.
  • Prêmios: recompensas virtuais ou físicas pela conclusão de tarefas específicas, incentivando continuidade.

Por fim, assim como é importante acompanhar a jornada da aplicação da gamificação no local de trabalho, a coleta de feedback dos próprios usuários também é essencial.

É bastante coisa, né? Mas nada tema! Que tal se certificar de que o melhor da gamificação está sendo utilizado na sua empresa?

A Go Gamers trabalha com mais de 100 técnicas de game design, garantindo que o melhor caminho seja traçado do início ao fim. Da ideia criativa à implementação estratégica, nós damos nome ao jogo.

Te vejo no próximo artigo!

Siga nossas redes sociais:

POSTS RELACIONADOS
04/12/2023
Cultura data driven: Porque considerar o mercado de games na tomada de decisões
27/11/2023
Gamificação: O guia completo com tudo o que você precisa saber